Linha motriz do Volvo FMX

Uma linha motriz para todas as necessidades

Dois tamanhos de motor com oito potências e binários diferentes. Todos em conformidade com a norma Euro 6. Os motores Volvo são conhecidos pela sua longevidade e eficiência de combustível. Escolha a melhor opção para si.

Com três tipos de caixas de velocidades diferentes e uma vasta gama de eixos traseiros com a durabilidade e fiabilidade comprovadas da Volvo, há sempre uma solução adequada às suas necessidades de transporte específicas.


Motores do Volvo FMX

Motores

  • D11K (330, 370, 410 ou 450 cv)
  • D13K (420, 460, 500 ou 540 cv)

Caixas de velocidades

  • I-Shift (3 modelos)
  • Manual (7 modelos)
  • Powertronic (2 modelos)

Eixos traseiros

  • Redução simples (peso bruto de conjunto: 44–70 toneladas)
  • Redução nos cubos (peso bruto de conjunto: 65–120 toneladas)

Veja as especificações completas da linha motriz

Euro 6 com o Volvo FMX

Motores potentes... mas com um consumo económico.

A legislação Euro 6 representa um salto enorme no sentido de transportes mais limpos. Ao mesmo tempo, é um desafio apresentar um motor que satisfaça estas exigências sem sacrificar o desempenho e o consumo de combustível. A liderança da Volvo em termos de tecnologia diesel tornou isto possível.

Saiba mais sobre os motores

Caixas de velocidades do Volvo FMX

Caixas de velocidades para todo o tipo de operações.

De todas as invenções da Volvo, poucas foram tão amplamente apreciadas como a caixa de velocidades I-Shift. Mas, em especial na área dos transportes de construção, é essencial oferecer uma vasta gama de caixas de velocidades diferentes. Isto acontece porque as operações e condições de condução variam entre o rápido transporte de areia até cargas pesadas em locais com inclinações íngremes. É por isso que a Volvo também oferece uma caixa split/range manual de 14 velocidades para um peso bruto de conjunto até 100 toneladas. A Powertronic, uma transmissão powershift totalmente automática com conversor de binário e radiador de óleo, completa a oferta.

Saiba mais sobre a I-Shift

Leia o artigo onde entrevistamos Astrid Drewsen sobre a oferta cada vez maior de transmissões I-Shift