Peso mais baixo do Volvo FM
Perder peso

Na última década, muitos camiões aumentaram de peso. Actualmente, muitos tractores atingem um limite em que o Peso Bruto de Conjunto pode ultrapassar as 18 toneladas quando carregados. Esta é a situação em que um quilo adicional no tractor retira três quilos à capacidade de carga, devido ao contrabalanço.

Graças ao programa de optimização do peso da Volvo, o tractor FM 4×2 padrão perdeu peso, ficando com um óptimo aspecto. Mais importante ainda, é uma redução de peso sem compromisso, dado que o programa é personalizado de acordo com a aplicação de cada camião.

Todos falam do aumento de peso

“Perder peso também está relacionado com redução do consumo de combustível, mas, quando os tractores chegam a este limite, as maiores consequências estão relacionadas com a capacidade de carga”, começa por dizer o director de segmento, Jonas Odermalm. Tudo isto foi ponderado quando o programa de peso teve início. “Um objectivo foi mitigar qualquer aumento de peso provocado pelo cumprimento da norma Euro 6. Mas as coisas correram melhor do que esperado: enquanto outros falam de ganhar peso, nós perdemos 75 quilos.”

Todos falam de ganhar peso, nós perdemos 75 quilos

Onde estavam os quilos a mais?

“Conseguimos detectar potencial de redução de peso em vários locais. Na fixação dianteira do motor, no próprio chassis, numa ou duas travessas e na fixação traseira da cabina, só para dizer alguns. Tratam-se de pequenos melhoramentos – alguns quilos aqui e ali. Separadamente não são nada, mas todos juntos representam uma redução significativa.”

Jonas Odermalm continua explicando como isso foi possível. Dois dos aspectos são processos de fabrico melhorados e melhor controlo da qualidade dos materiais em componentes individuais. Como as novas mangas com braços da direcção integrados.

Os conhecimentos traduzem-se em poder

“Acima de tudo, aplicámos a nossa compreensão dos segmentos de mercado. Sabendo exactamente como cada camião é conduzido, podemos optimizar os critérios de design para a aplicação específica”. Junto ao quadro, Jonas Odermalm parece ter desenhado uma grelha que inclui todas as aplicações de camião imagináveis. Mas, em termos simples, “não vale a pena ter configurações de eixos fora de estrada num camião criado para condições suaves.”

O director comercial de longo curso, Christer Pehrsson, fala do outro lado da mesa, “Quando se calculam as forças e tensões exactas sobre cada peça, uma solução padrão não faz sentido. Isso apenas torna os camiões mais pesados do que precisam ser. E já sabem qual a nossa posição em termos de segurança – nunca corremos riscos.”

Quem deve ler isto?

A investigação da Volvo demonstra que um em quatro clientes preocupam-se com o peso. Por outras palavras: têm de planear com atenção para evitar exceder os limites máximos de carga (e as penalizações). Naturalmente, qualquer pessoa que conduza mercadorias perigosas, como combustível, terá motivos adicionais para ter atenção ao limite de carga.

Christer Pehrsson

Como 75 quilos passaram a 225

Voltando ao efeito de contrabalanço do reboque sobre o tractor, quando o Peso Bruto de Conjunto se aproxima das 18 toneladas, a perda de peso do novo Volvo FM vale três vezes mais em potencial de limite de carga. Em alguns casos, isso significa que o limite de carga do novo Volvo FM aumenta 225 quilos.

“Assim, para os camiões que ganham talvez 150 quilos para cumprir a norma Euro 6, alguns clientes poderão ter a má sorte de ver uma queda do limite de carga de praticamente meia tonelada”. Enquanto Jonas Odermalm se deleite com as suas próprias palavras, Christer Pehrsson captura o essencial: “Isso faz olhar de outra forma para o facto de conduzir com 75 quilos a mais do que o necessário.”

7
Peso Mais Baixo